22 anos. Aprendiz eterno e questionador da vida.

Sonhos

18:03 Posted by Abraão B. Braun 27 comments
         Não posso?
         Quando penso logo insisto
         Se eu pensar muito,já desisto
         Já é normal,muitas vezes até banal
        
         Só de pensar em sonhar,me falta até o ar
         Porque sonhar e não alcançar é só se judiar
        
         Sonhar é um desafio
         Mas se você alcança,é igual o primeiro assobio de um menino:
         Sorriso de ponta a ponta, é bão demais da conta, afinal eu consegui!

27 comentários:

  1. Ficou muito legal. Parabéns.

    http://reload-aon.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olha, só indico tirar o player automatico... isso é meio incoveniente à quem está passeando pelo blog.
    Mas de resto ta muito bacana!

    ResponderExcluir
  3. sonhar é bom, e alcançar os sonhos é melhor ainda.

    ResponderExcluir
  4. Bacana o texto, realmente aprender a sonhar (em todos os sentidos) e um grande desafio.

    http://anonimadavoz.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Bom, muito bom...
    Vejo que gosta de ler e escrever, que tal passar em Sempre Lesstack e olhar os meus textos?
    Só procurar no google, ok?
    Até mais, abraços...
    (O player automático fica meio chato, mas, se gosta...)

    ResponderExcluir
  6. Sonhar é bom, mas correr atraz é melhor ainda né.

    http://rodrigobandasoficial.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Há uma honestidade nos versos... em adiar o que pode ser a melhor escolha!

    ResponderExcluir
  8. "Mas se você alcança,é igual o primeiro assobio de um menino"

    amei, parabéns! *-*

    http://idkwitm.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. o poema tava até bonitinho até você usar e abusar desse "ar", rima mais fraca no reino da poesia não há, enfraqueceu o texto de uma forma que talvez você nem se quer tenha se tocado disso... o uso repetitivo de sons nesse caso uma assonância tem que ser usado com muita calma e sabedoria para não estragar o texto... isso sem mencionar esse final "onta" que é constrangedor lê-lo...

    até mais

    Tiago Guillen

    ResponderExcluir
  10. Muito bacana, cara!
    Mas ainda acho que voce precisa retirar esse player automatico. Muito das vezes atrapalha quando alguem entra no blog e quer relaxar um pouco.

    Abração!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu cara,a pedidos: Tireo o player ! valeu pela sugestão,abraço!

      Excluir
  11. Olá,

    O poema ficou bem criativo, mas tem uma contradição já no segundo e terceiro versos. De qualquer forma, o final foi surpreendente, deixando uma boa impressão. Continue escrevendo e, é claro, sonhando. Sem sonhos, não somos ninguém.

    Abraços,

    Miguel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Miguel! realmente,quando criei esta poesia nem eu mesmo tinha percebido nas palavras isso,obrigado pelo '' puxão de orelha '' uma crítica construtiva,cuidarei mais no próximo,um abraço.

      Excluir
  12. Você pode, sim! Hahaha. :) E todo o sucesso do mundo realizando seus sonhos, sim? <3

    :*

    http://hey-london.net

    ResponderExcluir
  13. Muito legal o poema! É assim mesmo, a gente sofre quando fica pensando no que fazer, mas quando consegue é insuperável, né?

    ResponderExcluir
  14. é tao bom realizar um desejo, um sonho, fica como o primeiro passo de tal fato, por isso é belo. parabéns!

    ResponderExcluir